As 7 Melhores Panelas Antiaderentes em 2020

Que as panelas antiaderentes não deixam a comida agarrar na panela, que não precisam de óleo e que proporcionam maior bem-estar, quase todo mundo já sabe. O que nem todo mundo sabe é qual a melhor panela antiaderente.

Para ajudá-lo nessa tarefa escolhemos, depois de minuciosa pesquisa, as que se sobressaíram melhor nessa análise.

Confira a seguir.

Top 7 melhores panelas antiaderentes do mercado em 2020

1 – Caçarola Duo Buffet Ceraflame

Caçarola Duo Buffet Ceraflame

A Caçarola de Cerâmica Duo Buffet , 28 cm, 2,5 litros, Pomodoro, Ceraflame possui alta tecnologia e ainda tem o charme do arremate ser feito à mão.

Sua tampa é de vidro, o que permite que se veja a comida sem precisar destapar a caçarola. É tão bonita e bem feita que pode-se cozinhar e levar à mesa direto, sem precisar trocar a comida de panela.

A cerâmica ajuda a manter o calor por muito mais tempo, o que é um grande benefício.

Prós

Contras

✅ Não arranha

🚫 Alça esquenta um pouco

✅ Suporta choques térmicos

✅ Não é tóxica

2 – Panela Redonda Signature Le Creuset 

Panela Redonda Signature Le Creuset

A Panela Redonda, 22 cm – Signature, Le Creuset, 2117722, Laranja é fabricada pela Le Creuset, uma indústria que tem quase cem anos de um vasto know-how em ciência de revestimento, além de fabricar o ferro fundido mais leve do mercado.

Essa fabricante é reconhecida mundialmente.

Seu confecção é uma verdadeira obra de arte. São manufaturadas uma a uma, em matrizes de areia, e depois são minuciosamente fiscalizadas por artífices franceses.

Prós

Contras

✅ Alça muito prática

🚫 Custo alto

✅ Ferro fundido leve

✅ Fixa o sabor

3 – Caçarola Duo+ Pomodoro Ceraflame

Caçarola Duo+ Pomodoro Ceraflame

A Caçarola de Cerâmica Duo+, 24cm, 4,3 litros, Pomodoro, Ceraflame é produzida com material inorgânico, o que impossibilita o contágio dos alimentos por sobras de metal. Não tem antiaderente.

É totalmente inofensiva à saúde e quem afirma são especialistas da medicina e laboratórios internacionais.

Choque térmico não é problema para ela. Pode sair direto do fogo para um local gelado que não tem problema. Como se não bastasse o já dito, também não racha.

Prós

Contras

✅ Vai direto ao fogo

🚫 Não aceita fogão por indução

✅ Vai ao micro-ondas e forno

✅ Vai ao lava-louças

4 – Caçarola Rasa Fundo Triplo Tramontina

Caçarola Rasa Fundo Triplo Tramontina

A Caçarola Rasa com Fundo Triplo Tramontina Solar Inox 24cm possui um fundo triplo que é seu principal atrativo. 

Esse fundo dispensa o fogo alto, e faz com que o calor atinja todo o fundo da panela por igual.

No fogão à gás, a  chama deve exceder o fundo da caçarola. Na chapa elétrica é diferente, aconselha-se que a chapa tenha o tamanho igual ou menor que o da caçarola.

Aconselha-se, também, o uso de luvas térmicas ao manusear as alças de inox, pois elas aquecem junto com a caçarola.

Prós

Contras

✅ Fundo triplo

🚫 Alças aquecem durante cozimento

✅ Pode ser usada em todos tipos de fogões

✅ Pode ir à lava-louças

5 – Wok com Tampa Ceramic L. Smart Brinox

Wok com Tampa Ceramic L. Smart Brinox

A Wok com tampa, Ceramic Life Smart Plus, 3,4L, Preta, Brinox vem acompanhada do atualíssimo antiaderente cerâmico chamado Pro Ceramic Premium.

As peças não contêm nada que possa prejudicar a saúde, quase não exigem o uso de óleo, não permite que os alimentos preguem, é simples de limpar e gasta pouca energia.

Tudo isso para o bem maior que é sua saúde.

O cabo é coberto por um material que não esquenta e é bem ergonômico.

Prós

Contras

✅ Cobertura classificação A - INMETRO

🚫 Demora a dourar

✅ Cabo não esquenta

✅ Livre de PFOA

6 – Caçarola de Cerâmica Premiere Ceraflame

Caçarola de Cerâmica Premiere Ceraflame

A Caçarola de Cerâmica Premiere 24cm, 7.0 litros, Chocolate, Ceraflame tem a capacidade de aquecer muito rápido e reter esse calor por muito mais tempo. Nada impede, também, de ser levada diretamente à mesa. 

Tem uma superfície muito plana, favorecendo a higienização e não permitindo a propagação de bactérias.

Resiste muito bem a todo tipo de choques térmicos e também não é passível de rachaduras. É inteiramente atóxica e essa comprovação se dá por testemunho de profissionais da área da saúde.

Prós

Contras

✅ Vai direto ao fogo

🚫 -

✅ Não arranha

✅ Suporta choques térmicos

7 – Wok de Alumínio Rev. Interno Tramontina

Wok de Alumínio Rev. Interno Tramontina

A Wok de Alumínio com Revestimento Interno de Antiaderente, Tramontina, Vermelho, Médio é produzida em alumínio com revestimento externo e interno com o antiaderente Starflon 1.

As tampas podem ser de alumínio ou vidro temperado com válvula de escape para o vapor.

As alças também são de alumínio, porém com uma proteção antitérmica que facilita o manuseio.

Pode ser levada à máquina de lavar louças sem o menor problema.

Prós

Contras

✅ Alças antitérmicas

🚫 -

✅ Possui revestimento Starflon T1

✅ Tampa com saída de vapor

Qual a melhor panela: antiaderente ou cerâmica?

Ter uma panela apropriada na hora de cozinhar faz toda a diferença no resultado final. 

As panelas e frigideiras antiaderentes foram uma criação transformadora na cozinha atual. A comida feita nesse tipo de panela não gruda na panela, podem ser limpadas com muita facilidade e ainda são bonitas.

Os dois tipos de panelas antiaderentes mais populares são a cerâmica e a teflon.

Na verdade, as diferenças entre a panela antiaderente e a cerâmica são poucas. 

A panela  cerâmica, no entanto, leva vantagem em relação à  antiaderente  por ser mais saudável e ter melhor desempenho.

Portanto, apesar das diferenças serem pequenas, a panela cerâmica é melhor que a panela antiaderente por ter mais performance e proporcionar mais saúde.

Apesar de mais caras, compensa pagar um pouco mais por um produto superior.

Para que serve a proteção antiaderente das panelas?

A função dessa proteção é não deixar a comida colar na panela. 

Existem receitas que exigem óleo, mesmo cozinhando em uma panela com proteção antiaderente. Nesse caso, apenas um fio do óleo resolve a questão.

O revestimento pode ser por dentro, por fora, ou por dentro e por fora ao mesmo tempo. Caso o cabo também tenha resistência a altas temperaturas, a panela poderá ser levada ao forno.

Qual tem a melhor performance: cerâmica ou teflon?

Vamos iniciar a análise pelo mais importante: qual adere menos à comida? Essa é uma competição apertada. De todo modo, a cerâmica sai vitoriosa, não exigindo nenhuma gota de óleo sequer.

É óbvio que os atributos da panela influenciam no resultado final. Olhando por esse lado, independentemente se cerâmica ou teflon, é mais relevante comprar uma panela de boa procedência.

Custo da panela

Nesse tópico a panela de teflon leva uma vantagem considerável. Isso se deve ao fato de existir uma variedade muito grande de espécimes que usam esse tipo de proteção.

Lembrando que pagar menos nem sempre é um bom negócio. Para se comprar com acerto, a comparação deve ser feita entre produtos similares.

Design

Cada dia mais as pessoas valorizam o design dos produtos de casa.

Nesse caso, a cerâmica supera o teflon facilmente.

Para quem valoriza decoração e beleza na cozinha, a panela de cerâmica é a mais indicada.

Peso

Se a comparação for feita entre a panela de cerâmica e a panela apenas revestida com cerâmica, praticamente não haverá diferença na pesagem.

No entanto, se formos comparar panela de cerâmica com panela revestida de teflon, a desigualdade será gigante, pois a de cerâmica pesa muito mais.

Por fim, se ambas forem de aço, o revestimento por si não faz qualquer diferença no peso.

Mais saudável

O revestimento cerâmico ganha de braçada nesse quesito.

Muito embora o teflon em bom estado não seja prejudicial à saúde, depois que é arranhado pode soltar fluidos e fragmentos que são danosos à saúde.

Mais uma superioridade da panela de cerâmica em relação à sua principal concorrente.

Como escolher a melhor panela de cerâmica

A panela de cerâmica é muito procurada e apreciada, pois além de sua cobertura que não deixa os alimentos grudarem tem a peculiaridade de deixar os alimentos quentes por muito mais tempo.

E isso é uma qualidade e tanto, não é mesmo? Quem não quer se servir de uma comida sempre quentinha no fogão?

Mas existem outras questões a serem analisadas além dessa.

Cobertura de cerâmica ou cerâmica refratária?

Há no mercado duas categorias de panelas de cerâmica.

As que são feitas totalmente em cerâmica, com pequenos acréscimos de outros materiais, como, por exemplo, tampa e cabo. E aquelas com envoltório cerâmico, na maioria das vezes em seu interior. Existem também algumas que possuem envoltório cerâmico também na parte de fora.

Há algo que diferencia em muito esses dois tipos de panela: a contenção e partilha do calor.

Nos modelos produzidos totalmente em cerâmica a manutenção do calor é prolongada, o mesmo não acontece com os modelos que são produzidos parcialmente em cerâmica. Neste caso a retenção do calor será bem menor.

Cerâmica intoxica?

A resposta para essa pergunta é não. Isso, exatamente, é o que a torna distinta.

Outros materiais também podem ser inofensivos à saúde, como aço inox. Mas essa característica não pode ser garantida.

Alimentos quentes por mais tempo 

Vamos comentar um pouco mais sobre essa interessante peculiaridade da panela de cerâmica.

Ela demora mais pra esquentar, mas depois que esquenta, demora para esfriar. Logo, a preparação das refeições também é diferente.

Alimentos que precisam de cozimento vagaroso foram feitos para esse tipo de panela, já que ela é igualmente lenta para esquentar.

Outra característica muito legal é que você poderá desligar a panela antes do final do cozimento e levar de imediato para a mesa. A panela se incumbirá de terminar o procedimento e a comida permanecerá por um longo tempo ainda quente.

Muito embora possa ser colocada prontamente no forno, ela não suporta mudanças bruscas de temperatura. E isso é uma necessidade quando se faz, por exemplo, bolos.

Portanto, antes de comprar a panela, pense bem no que pretende cozinhar nela para não se sentir frustrado depois.

Cobertura cerâmica antiaderente

 O teflon é muito querido devido ao valor e por ser encontrado por todo lado. Porém, a cobertura cerâmica antiaderente é melhor que o teflon, e é um dos que se situam no topo da preferência pública.

A cobertura cerâmica antiaderente é ideal para quem quer grelhar ou prefere comidas com pouco ou nenhum óleo, pois o alimento não adere na panela.

Resistência

A resistência é uma das maiores virtudes das panelas de cerâmica. Suportam grandes variações térmicas, e podem ser tiradas do fogo direto para a mesa ou qualquer outro tipo de material.

Também podem ser levadas ao forno ou guardadas na geladeira tranquilamente.

A cerâmica refratária resiste bem ao uso de palha de aço para sua higienização, pois é quase impossível arranhá-la.

Já os modelos que são apenas revestidos com cerâmica antiaderente são bem menos resistentes, e é preciso cautela quando for lavar para que não estrague.

Com referência a baques e pancadas são bem mais frágeis. Por isso é necessário cuidado ao manuseá-las.

Preço das panelas antiaderentes

A panela de cerâmica é bem mais onerosa, mas deve ser encarada como um patrimônio, pois é muito mais saudável, durável e realça consideravelmente o gosto dos alimentos.

Dois itens, portanto, são de vital importância ao comprar essa panela.

Verificar se é totalmente de cerâmica e se o fundo é grosso. O fundo é muito importante de se analisar pois é ele quem irá fazer a divisão do calor adequado.

Como escolher a melhor panela

Como tudo que se vai comprar tem uma variedade grande de opções, ficamos indecisos na hora da escolha.

Diferentemente de como recomendamos a escolha das melhores panelas de pressão elétricas do mercado, para a escolha das panelas antiaderentes selecionamos alguns pontos que são mais características destas.

Portando, fizemos então, um apanhado para que sua escolha seja mais tranquila.

Material

O material com que é feita a panela interfere diretamente no alimento.

Vamos à análise de alguns materiais e escolha o que melhor se adapta ao seu estilo.

1. Panelas de Alumínio

As panelas de alumínio são as mais populares. Na maioria das cozinhas em que você entrar verá uma dessas sobre o fogão. Elas pesam muito pouco e seu custo costuma ser bem módico. Além disso, são ótimas condutoras de calor.

A grande maioria das pessoas tem ou já teve uma. A vantagem do alumínio é que a comida cozinha de modo uniforme, isto é, não fica uma parte cozida e outra não.

Como nada é perfeito, o alumínio risca com muita facilidade e é preciso cuidado na limpeza para não estragar a panela.

Também não se aconselha utilizar com ingredientes ácidos, pois estes têm mais chances de serem contaminados com resquícios que se desprendem da panela.

Não se aconselha, igualmente, o uso de colher de metal, pois, assim como os ingredientes ácidos, poderá ocorrer o contágio com sobras desprendidas da panela.

As panelas de alumínio com envoltório interno e externo diminuem muito a possibilidade de contágio e facilitam no momento da limpeza.

Agora, quando o envoltório começa a sair, chegou o momento de comprar outra panela.

2. Panelas em Aço inoxidável

A grande virtude do aço inoxidável é conseguir manter o calor alto por muito tempo. Essa propriedade é muito indicada para molhos, caldos e todo tipo de alimento líquido.

Em contrapartida, iniciantes poderão ter dificuldades, pois a comida pode queimar num piscar de olhos.

3. Panelas de Cerâmica

Essas panelas são as mais estilosas. Mas não é só isso: elas retêm o calor por muito mais tempo e são facílimas de limpar.

Ideais para receitas demoradas e que necessitam temperatura contínua. 

Também não precisam de travessas para levar os alimentos à mesa, já que a panela, em si, é puro charme e pode ser colocada tranquilamente na mesa.

O que afasta compradores, no entanto, é o preço salgado. Pode-se encontrar aqui e acolá modelos mais baratos, mas não são confiáveis, pois podem conter metais pesados que são altamente tóxicos.

Portanto, confira sempre o selo confirmando que não há nenhum tipo de material danoso em sua constituição.

É preciso muito cuidado, por fim, ao manuseá-las, pois são demasiadamente quebradiças e podem lascar facilmente.

Quando isso acontece é muito ruim, pois a panela perde a graciosidade além de ficar perigoso pegá-la com a mão nua.

4. Panelas de Ferro

As mães de antigamente já diziam. Ferro faz as pessoas ficarem fortes.

Por incrível que pareça, as panelas de ferro podem nos ajudar nisso. Sim, elas liberam ferro na comida e isso faz bem, ao contrário de muitos outros resíduos tóxicos.

Até médicos costumam indicar esse tipo de panela para pessoas com anemia.

Claro, para as pessoas que não podem consumir ferro, o indicado é não usar panelas de ferro.

Não à toa esse tipo de panela é muito usada na roça. Isso se dá porque são muito robustas e conseguem segurar o calor na comida de maneira uniforme.

Como todas as panelas que têm como característica sustentar o calor por mais tempo, são indicadas para receitas longas, como cozidos e molhos.

Adaptação da panela ao fogão

Para aqueles que procuram qual a melhor panela antiaderente, não se deve esquecer que a panela precisa ser compatível com o fogão.

As coisas têm andado tão modernas que existem fogões que não precisam mais de fogo para aquecer a comida. São os chamados fogões de indução.

Relativo ao fogão a gás convencional e ao despojado fogão à lenha, existem pontos relevantes a se analisar antes da compra.

Vamos a eles.

Fogão por indução

Se você se utiliza de um fogão por indução, não existe outra alternativa, tem que usar panelas de fundo plano e confeccionadas com material magnético, como aço inox e ferro fundido.

Panelas de cerâmica, cobre ou vidro não esquentam no fogão por indução. Atente a esse detalhe ou ficará decepcionado com sua compra.

Existe uma modalidade de panela nas quais apenas o fundo é confeccionado com material magnético.

Fogão a gás 

Para o mais popular fogão ou cooktop a gás, não há restrição para o tipo de panela a ser usada. Qualquer panela funciona bem nesse tipo de fogão.

O único detalhe que requer mais atenção é com relação à boca do fogão e ao tamanho da panela. Eles devem ser compatíveis.

Por exemplo: se a panela é grande e a chama pequena, na maioria das panelas, pode fazer com que o calor fique só num determinado lugar, e esse mesmo lugar pode até queimar antes de cozinhar o restante da comida.

O macete para verificar se a chama está compatível com a panela é checar se a chama atinge todo o fundo da panela. Essa é a combinação ideal para se ter alimentos aquecidos por igual.

Fogão a lenha

Quem não gosta de uma comida feita no fogão à lenha? Quase ninguém, não é mesmo? 

Também para esse tipo de fogão existem panelas que são mais apropriadas.

A mais usada é a de ferro fundido, pois produz uma ótima comida e faz bem para a saúde, por liberar ferro na comida.

Panelas de pedra sabão, cobre e barro são outros modelos que são bem aceitos pelo fogão a lenha. Para esses tipos de panela, no entanto, é preciso ficar atento ao desgaste, pois podem ser perigosas para a saúde.

Principais características das panelas antiaderentes

Se tem uma coisa chata, essa coisa é ter a comida agarrando na panela depois de pronta. 

E lavar panela com comida grudada? Ninguém merece. Até mesmo para aqueles que não se importam em lavar panelas.

Essa é a razão das panelas antiaderentes fazerem tanto sucesso.

Porém, para que o material antiaderente não danifique, é preciso alguns cuidados. Um desses cuidados é não usar talheres de metal para mexer a comida e nem usar esponjas de aço para lavar.

Assim que sua panela antiaderente começar a descolorir ou descamar, chegou a hora de trocá-la.

A famosa cobertura antiaderente chamada teflon pode ser prejudicial à saúde quando muito gasta.

Agora, para quem está à procura da melhor panela antiaderente tramontina recomendamos a Panela Tramontina Paris em Alumínio com revestimento antiaderente Starflon T1 com tampa de vidro.

Espessura da panela

3 mm é a espessura mínima aceitável para uma panela ser considerada boa. Paredes muito finas propagam o calor com muita velocidade, mas dificultam o domínio da temperatura. O compartilhamento do calor fica prejudicado.

As panelas mais grossas, por sua vez, são capazes de segurar o aquecimento por mais tempo de forma igualitária, sem os chamados “hot spots”, os temíveis pontos quentes.

Por isso as panelas com maior espessura são sempre melhores que as mais finas, seja o material qual for.

Sem contar, como já foi dito acima, que retêm o calor por um tempo maior.

Tampas e pegadores

As panelas com pegadores de metal são muito mais funcionais no cotidiano. Em contrapartida, não é nada prático não poder colocá-la no forno, como, por exemplo, quando se vai gratinar ou dar o retoque final num bife.

Faremos, agora, o review de algumas tampas e pegadores.

Panelas para ir ao forno

Se você costuma fazer receitas que devem ir ao forno, prefira as panelas cujo cabo seja feito do mesmo material, assim poderá levá-la ao forno sem o menor problema.

Se a panela for atraente o bastante para ser levada à mesa, então a panela é perfeita.

O problema é que como o cabo é feito do mesmo material da panela, acaba esquentando muito e é preciso o uso de luvas térmicas para pegá-lo em segurança.

Por esse motivo as panelas pesadas levam vantagem sobre as mais leves, pois pode-se resolver os alimentos sem que ela escorregue pelo fogão.

Fazer esse mesmo processo nas panelas leves é mais problemático, pois tem que se utilizar as duas mãos. Enquanto uma segura o cabo, a outra manuseia a comida.

Pegadores de plástico e tampas de vidro

As tampas de vidro são uma inovação que veio para ficar. Com elas o cozinheiro pode ver a comida enquanto é feita. 

Contudo, é preciso salientar que comidas normalmente soltam vapor, e o vapor embaça o vidro. Isso pode dificultar sua função, que é permitir que se veja a comida enquanto é cozida.

Apesar disso, continua sendo funcional e com visual muito interessante.

Pegadores de plástico e silicone são uma excelente invenção. Descartam a obrigação de se usar luva para abrir ou mesmo segurar a panela.

É preciso, no entanto, ter muita cautela para não deixá-los em contato com o fogo, pois irão derreter. Outra recomendação é sempre verificar se estão bem presos. Caso contrário, poderá mover-se e derramar o conteúdo da panela, muitas vezes altamente quente.

Quais panelas podem ir ao lava-louças?

Se você é do tipo que gosta de levar tudo ao lava-louças, é preciso ter atenção especial ao tipo de panela que está usando. Nem todas podem ir ao lava-louças. 

Panelas de ferro fundido ou com antiaderente não devem ir ao lava-louças devido à água ser muito quente, e podem ficar prejudicadas.

Mesmo outros materiais, como aço inoxidável e alumínio podem riscar com o processo de lavagem.

E vamos mais além, materiais distintos, como cobre e inox tendem a ficar escuros com o passar do tempo. Depois que escurecem, ou mancham devido à lavagem no lava-louças, é um pouco trabalhoso para colocá-las claras novamente.

No tema lavagem as panelas de cerâmica são campeãs, pois aceitam lava-louças e são fáceis de lavar à mão.

Panela ideal para confeiteiro

Confeitaria que se preze tem panelas separadas para feitura de doces e salgados. 

Quem entende do assunto sabe que não é bom usar a mesma panela para doces e salgados. Por mais que se limpe, sempre haverá resquícios da receita anterior.

Uma boa panela para doces deve ter o fundo grosso, o que permite que ele nunca perca o sabor, e não tenha interferência de outros sabores de comida salgada.

Panela eterna

Esse nome sugestivo se aplica à caçarola redonda de ferro fundido. É a mais cobiçada de todas as caçarolas.

O material com que é feita segura melhor o calor e o reparte por igual, lentamente. Determinadas receitas exigem exatamente esse tipo de aquecimento.

É simples de higienizar, robusta, suporta altas temperaturas, choques térmicos e é difícil de arranhar.

É versátil: pode ser usado em toda espécie de fogão. Tem ótima fundura, paredes altas, duas alças para ser manuseada e tampa.

Pode ir diretamente ao forno. 

Por fim, não podemos esquecer que é linda e tem um charme todo especial.

Organização das Panelas

Organizar as panelas na hora de guardar é prioridade de muitos. Sobretudo aqueles que têm pouco espaço para acomodá-las.

Quando guardadas de qualquer maneira podem esbarrar umas nas outras, causando riscos e amassados. Caso sejam de cerâmica, podem inclusive quebrar.

Além disso, torna o processo de achar uma panela em uma façanha. 

O ideal é evitar ao máximo amontoar as panelas. Existe no mercado dispositivos que evitam exatamente o choque entre panelas.

Procure sempre pendurar as panelas que possuem furo no cabo. Isso facilita para guardar e para encontrá-las quando forem usadas.

Uma boa sugestão para guardar as tampas é utilizar-se de um escorredor de prato para que sejam acondicionadas na vertical e sem encostar umas nas outras.

Há quem prefira pendurá-las na porta do armário fazendo uso de ganchos.

Existem outras formas engenhosas de dispor melhor o espaço e manter as panelas intactas por muito mais tempo. Mas isso vamos deixar para que você faça sozinho e encontre soluções por conta própria.

Conclusão: qual a melhor panela antiaderente

Depois de minuciosa pesquisa em blogs, sites e opiniões de consumidores, concluímos que a melhor panela antiaderente é a Caçarola de Cerâmica Duo Buffet , 28 cm, 2,5 litros, Pomodoro, Ceraflame.

Você pode gostar também

1 comentário em “As 7 Melhores Panelas Antiaderentes em 2020”

  1. CIRO BRAZ PORTUGAL

    Parabéns a quem escreveu o texto acima. Além de esclarecedor, é muito divertido, bem humorado. Não cansa a leitura.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *