Cadastro Newsletter
Busca
PUBLICIDADE
Prêmio CP - 29/09/2016
01/07/2014 - 11h07
Acerte na escolha do fornecedor!
A qualidade dos produtos é essencial para o sucesso do seu restaurante


Estabelecimentos que atendem o setor food service necessitam de um abastecimento perfeito de insumos. Para isso, é importante que os gestores saibam escolher um bom fornecedor, que busque as necessidades do seu consumidor final.

Hoje, os restaurantes do nosso setor dispõem de diversos lugares para suprir seus estoques de insumos. Esse abastecimento é realizado, em sua grande maioria, diretamente por distribuidores e redes atacadistas.

Os primeiros executam parte da estratégia de vendas das empresas que fabricam os produtos. Nesse caso, os restaurantes são atendidos no empreendimento e também no atacado, aonde o gestor do restaurante vai até a loja. No caso das redes atacadistas, não há esse vínculo de fidelidade. A compra e revenda de produtos são realizadas em função da demanda de mercado.

Atacadistas

As redes atacadistas atendem os mais variados estabelecimentos de alimentação fora do lar. Esse serviço inclui lojas que disponibilizam grande variedade de produtos, como enlatados, carnes, lacticínios, frios, congelados, resfriados, frutas, verduras, legumes e bebidas.  

O atacado funciona como estoque para restaurantes que tem pouco espaço físico e não dispõem de capital de giro. A embalagem dos produtos oferecidos pelos atacados pode ser encontrada em três tipos diferentes: industrial (fechada), fracionada ou unitária.

Na hora das compras, o gestor observará dois tipos de preços. Um referente ao que será pago pelo produto unitário (varejo), e o outro, com o preço voltado para caixas e fracionados (atacado).

Distribuidores

O benefício de trabalhar com os distribuidores é que muitos restaurantes (pequenos e médios) não tem espaço físico suficiente para manter estoque, e, nesse caso, a distribuição de produtos pode ser feita até diariamente.

Geralmente, essas empresas fazem visitas semanais aos estabelecimentos, levando junto aos preços, promoções e também lançamentos que podem interessar o gestor. Mas, claro, que durante esse processo, é importante que o proprietário do restaurante fique atento ao vendedor, percebendo se o mesmo tem conhecimento dos produtos que está oferecendo.

Os distribuidores necessitam conhecer o cliente (e vice-versa), antes de iniciar qualquer negócio. Uma conversa entre ambos é importante para que a distribuidora entenda o trabalho do seu cliente e o que ele quer oferecer aos seus consumidores.

Fonte: Redação - 01/07/2014

Editora Nova Gestão Ltda. | Tels.: (11) 3562-3166 | (11) 3562-3170


Site desenvolvido por Lucia Cavalcanti