Cadastro Newsletter
Busca
PUBLICIDADE
Prêmio CP - 29/09/2016
02/09/2013 - 10h54
Restaurantes capricham em mimos para acompanhar o café
A cortesia não fica mais na simples bolachinha e ganha até mesmo ares de sobremesa.


Ele quase não vem mais sozinho. Na hora de encerrar a refeição, restaurantes vêm caprichando no docinho que acompanha o café. A cortesia, que pretende ser um mimo para o cliente, não fica mais na simples bolachinha e ganha até mesmo ares de sobremesa.

´´O ideal é que a guloseima escolhida seja harmonizada com as características do café que será servido. Por exemplo, para um café mais encorpado, um minibolo ou uma madaleine podem ser uma boa combinação. Já para um café mais ácido, um petit four bem doce ajuda a equilibrar os sabores´´, explica Éder Hilário, barista responsável pelo Santo Grão.

A reportagem consultou 25 casas (a maior parte delas está representada no álbum acima) e encontrou guloseimas como brigadeiro (servido no Bar da Dona Onça e na rede Ráscal), madeleine, macaron e trufa (no Chef Rouge), creme de cupuaçu (Obá) e até uma pedra composta por gelatina de cachaça, trufa, bombom de castanha e pedra de açúcar (Clos de Tapas).

Todas não cobram pelo ´´presente inesperado´´, embora as xícaras de café variem de R$ 4 a unidade no restaurante Terraço (no centro do Rio) e no La Grassa (no bairro paulistano de Moema, zona sul) a R$ 8 no Chef Rouge (nos Jardins, zona oeste de São Paulo).

Fonte: UOL - 30/08/2013

Editora Nova Gestão Ltda. | Tels.: (11) 3562-3166 | (11) 3562-3170


Site desenvolvido por Lucia Cavalcanti