Cadastro Newsletter
Busca
PUBLICIDADE
Prêmio CP - 29/09/2016
06/12/2012 - 14h00
Faturamento das micro e pequenas empresas registra alta recorde
Pesquisa do Sebrae-SP mostra um crescimento de 15,3% em outubro em comparação com o mesmo mês de 2011.


As micro e pequenas empresas paulistas registraram a maior alta do faturamento para um mês de outubro desde o início da série histórica da pesquisa Indicadores Sebrae-SP, em 1998. Em comparação com igual mês do ano passado, o faturamento foi 15,3% maior, segundo levantamento divulgado nesta quinta-feira, dia 6.

Na divisão por setores, o comércio registrou a maior alta, de 20,9%, seguido pela indústria (15,8%) e serviços (7,7%). Em nota, o diretor-superintendente do Sebrae-SP, Bruno Caetano, afirmou que o resultado das micro e pequenas empresas no mês foi influenciado pelo desempenho positivo do consumo no mercado interno, favorecido pelo desemprego em baixa e pelo aumento na renda do trabalhador.

Os indicadores ainda mostraram que as empresas registraram receita total de R$ 47,5 bilhões em outubro, um crescimento de R$ 6,3 bilhões ante outubro do ano passado. “O fato de outubro de 2012 ter tido dois dias úteis a mais do que o mesmo mês de 2011 e a base relativamente fraca de comparação no indicador de faturamento - elevação de 2,7% em relação a outubro de 2010 - contribuíram para o resultado”, explica, em nota, o consultor do Sebrae-SP, Pedro Gonçalves. 

Expectativas
Em novembro, 50% dos micro e pequenos empresários acreditam em uma estabilidade no faturamento nos próximos seis meses. Já 37% esperam um aumento na receita, 5% acreditam em piora e 7% não sabem dizer como será o desempenho. De acordo com Caetano, o Sebrae-SP calcula que as MPEs devem fechar 2012 com aumento entre 8% e 8,5% na receita real na comparação com o ano passado. 

Fonte: Estadão PME - 06/12/2012

Editora Nova Gestão Ltda. | Tels.: (11) 3562-3166 | (11) 3562-3170


Site desenvolvido por Lucia Cavalcanti